Home » Cases » Brasiliana Steampunk

Brasiliana Steampunk

Por: Bruno Garofle

10/08/2020

A série transmídia Brasiliana Steampunk nasceu em 2014, a partir do desejo de Enéias Tavares de unir ficção fantástica e literatura brasileira, num projeto que pudesse não apenas proporcionar ao público brasileiro uma experiência de universo expandido em várias plataformas e mídias como também reinventar os clássicos para uma audiência jovem e geek, vide séries como Liga Extraordinária, Penny Dreadful e Sherlock.

Brasiliana Steampunk
Brasiliana Steampunk

O livro que deu início a esse projeto foi A Lição de Anatomia do Temível Dr. Louison (Editora LeYa), vencedor do prêmio Fantasy entre mais de 1500 participantes e considerado por influenciadores como Affonso Solano a “Liga Extraordinária Brasileira.” Finalista do Prêmio Argos do ano seguinte como Melhor Romance Fantástico, Lição de Anatomia esgotou até o momento três tiragens de 5000 exemplares, foi adotado por escolas de ensino médio e está entre os melhores colocados na Amazon Brasil, figurando em 50º lugar na categoria Fantasia Contemporânea, ao lado de Guerra Civil Marvel , de Stuart Moore (https://amzn.to/3dLmj6Z), e em 15º lugar na categoria Coleções e Antologias de Fantasia (https://amzn.to/3fUni6K), próximo de Tudo é Eventual, de Stephen King e na frente de Criaturas Estranhas, de Neil Gaiman, e Wild Cards: O Começo, de George RR Martin.

Brasiliana Steampunk
Brasiliana Steampunk

Em 2015, o projeto ganhou site oficial (https://bit.ly/3csSKGR) e um Suplemento Escolar, voltado para professores e estudantes de Ensino Médio (https://bit.ly/3fIzGGJ). No mesmo ano, Enéias Tavares e Marcus Lorenzet lançaram um tarô promocional inspirado nos personagens da série (https://bit.ly/3fLrCoI). O projeto deu origem ao cardgame Cartas a Vapor! no ano seguinte, produzido pela empresa Potato Cat e lançado através de uma campanha de financiamento coletiva de sucesso com várias metas estendidas (https://bit.ly/2xYntg9). Em 2016 também foram lançados contos inéditos na plataforma Amazon e produtos como camisetas, canecas e bustos colecionáveis limitados em parceria com o grupo de produção transmídia EPIC, do Rio de Janeiro.

Brasiliana Steampunk
Brasiliana Steampunk
[mashshare]

Deixe um comentário